Campo Neutro

No correr dos séculos, os habitantes da terra se foram separando em grupos (e até, isoladamente, em muitos casos) atingindo pelos seus interesses egoísticos, pelos seus prazeres realista e instintivos.

Como porem, as leis universais que os entes humanos se espiritualizem e aprendam a viver unidos, apareceram na face da terra, em diferentes épocas, os mestres de sabedoria suprema, em obediência os altos desígnios do todo–poderoso.

Todos esses mestres transmitiam, através de suas respectivas escolas iniciativas, extraordinário ensinamentos espirituais. E fizeram, sentir que as criaturas humanos deviam viver irmanadas, por maio da compreensão e da vivencia desses ensinamentos superiores. Cada um desses mestres organizou, dentro de sua escola iniciativa, uma verdadeira fraternidade, em que uniram muitos entes humanos no mais puro e respeitoso afeto, inteiramente libertos dos interesses mesquinhos. Mas, depois que eles cumpriram sua missão na terra e seguiram para as altas regiões celestiais, essas fraternidades foram, pouco a pouco, enfraquecendo, porque os seus sucessivos seguidores se deixaram empolgar mais pela idéia superior de prosseguir no ritmo espiritual estabelecido Por esses Gigantes da sabedoria suprema.

Algumas corporações obtiveram o aumento vertinoso de seus adeptos por meios de certos recursos através dos quais os entes humanos encontravam as maiores facilidades para ingressar e permanecer nessas instituições, mas abandonando os ensinamentos que asseguravam seu aprimoramento espiritual e sua confraternização permanente. Desse modo, o altruísmo objetivo desses mestres foi total ou quase totalmente prejudicado, tais congregações aumentaram, rapidamente, seu prestigio perante os habitantes da terra, mas o enfraqueceram muito perante as leis eternas.

Em conseqüência de tal incompreensão, essas instituições se foram dividindo e subdividindo cada vez mais, bem como perdendo a pujança espiritual, antes proporciona pela compreensão e pela vivencia dos ensinamentos de elevada hierarquia. Aí esta porque as criaturas humanas se desuniram tanto e chegaram a engalfinhar-se nos mais selvagens conflitos que tiveram o seu ponto Maximo nas guerras mundiais.

O maior de todos os mestres que passou pela terra foi e continua sendo Jesus Cristo, que imprimiu um vigoroso impulso á espiritualização da humanidade. Mas, infelizmente, aconteceu a mesma coisa com a doutrina desse divino mestre. Pouco a pouco, foram sendo abandonados os seus ensinamentos e substituídos por outros de categoria inferior, bem assim por uma série enorme de praticas e fórmulas superficiais que promoviam e facilitavam a aglomeração dos entes humanos, mas não os encaminhavam para o aprimoramento espiritual, nem para a união entre si.

O resultado não se fez esperar: as criaturas se dividiram tanto ao ponto de organizarem um número enorme de instituições denominadas cristãs. No entanto, essas congregações jamais conseguiram unir em uma só corporação as pessoas que desejavam professar o cristianismo. Nessas condições, para se conseguir essas indispensável união, era necessário aparecer um campo neutro que pudesse ser freqüentado por todos, sem nenhum constrangimento, inclusive pelos que se consideravam cristãos, mas viviam separados.

Por determinação do onipotente e do maior de seus filhos, já apareceu esse campo neutro que está unindo todos os seres humanos, sem distinção de qualquer espécie. Para tanto, esse campo neutro estabeleceu respeitosas normas que asseguraram essa união porque não permitem, em seu ambiente de reuniões, o ataque a nenhuma corrente religiosa ou espiritual, nem a propaganda de nenhuma delas.

Nesse ambiente, os instrutores e os estudantes se ajudam mutuamente a compreender e realizar os ensinamentos de alto valor espiritual, dentre os quais se destacam os de Jesus Cristo. Todos buscam, ali, a evolução consciente e o aprimoramento espiritual, a fim de serem cada vez mais úteis á sua própria vida, á sua família e a toda a humanidade. Ali, não há lugar para as polêmicas e os conflitos sectaristas que dividiram os religiosos de todas as religiões e os partidários de todos os grupos. Ali, está sendo restabelecido o cristianismo profundo e completo exemplificado pelo nazareno quando esteve, em corpo e espírito, no mundo terreno.

Mas, por que isto agora está acontecendo? Por que Chegou a hora de acontecer. E, também, porque existe agora uma ciência espiritual que prepara devidamente os entes humanos para esse fim. É a Verologia (Ciência da Verdade Essencial). Com o auxilio da verologia, todos podem compreender todas as orientações deixadas por Jesus Cristo, até mesmo aquelas até agora consideradas enigmáticas. Para isso, muito contribui a pedagogia verológica e os livros verológicos, especialmente o romance “A Crucificação de Pilatos”.

Com a ajuda verológica, todos podem saber, agora, qual o objetivo dessas divinas orientações. E todos podem saber o que é que Jesus esperava e continua esperando de cada um de nós para nos transformamos em cristãos de verdade, mas, isso seria irrealizável se não tivesse aparecido o campo neutro onde estão sendo derrubadas todas as barreiras que separavam os seres humanos bem intencionados e não os deixavam unir-se em uma só família espiritual para as freqüências intercâmbios de compreensões que permitem a assimilação  de todos os ensinamentos renovadores, principalmente dos ensinamentos de Jesus Cristo.

Mas, onde se acha esse campo neutro que está unindo, sem nenhum constrangimento, religioso de todas as religiões e integrantes de todas as correntes espirituais? Onde está esse campo neutro que elimina os conflitos doutrinários, que assegura a posse dos mais altos graus de evolução consciente e que ajuda a compreensão e a vivencia das leis universais e dos ensinamentos redentores? Onde se acha esse campo neutro que está restabelecendo o cristianismo profundo e completo?

Está localizado nesta cidade maravilhosa, há mais de cinqüenta e um anos, mas se destina a todos os habitantes do Brasil e da terra. É a Ação Cristã Evolucionista, instituição genuinamente brasileira, mas de características universais. Nesse campo neutro todos se respeitam, se estimam e se ajudam reciprocamente, quaisquer que sejam as suas tendências religiosas, espirituais, filosóficas ou cientificas. Neste campo neutro vivem,  agora, unidos na melhor harmonia, muitos entes humanos que viviam separados, inclusive alguns que se julgavam cristãos, mas se conformavam com aquela lamentável separação. Todos são filhos do mesmo pai eterno e não era sensato que permanecessem, visto que Jesus quer a união de todas as criaturas humanas. Já agora, não há mais pretexto para continuarem separados.

A Ação Cristã Evolucionista é o campo neutro que está preparando os entes humanos para a realização da sublime profecia de Jesus Cristo: “Haverá um só rebanho para um só pastor”.

 

Extraído de:

Jornal Verologia

Edição XXXIII Nº 415 e 416
Artigo referente a Julho e Agosto de 2007

  

Perfil Verológico

Um Edifício Psicológico

Ler mais...

Tome Posse do que é Seu

Ler mais...

Solução de Emergência

Ler mais...

Esperança no Amanhã

Ler mais...

Oportunidade Única

Ler mais...

Pare para Pensar

Criança, Futuro Brilhante.

Ler mais...

Como Enfrentar os Problemas

Ler mais...

Saber Viver Bem

Ler mais...

Bom Senso

Ler mais...

Dia Feliz

Ler mais...

Gotas de Sabedoria

Livre Arbítrio

Ler mais...

Perdão, a Mais Profunda Lição de Jesus!

Ler mais...

O Ciúme, a Suscetibilidade e a Sensibilidade

Ler mais...

A Luz do Mundo

Ler mais...

Coragem Sensata e Medo

Ler mais...

Raios de Luz

Mãe: Amor Incondicional

Ler mais...

Tristeza: Ferrugem da Alma

Ler mais...

Paz de Espírito

Ler mais...

A Essência do Natal

Ler mais...

A Paz é Possível

Ler mais...

Livros

Criado por Agência Núcleo