Saúde Física e Espiritual



A saúde física tem uma importância muito especial para o nosso organismo. Saber cuidá-la com atenção, ponderando nossa capacidade de atuação, dentro das possibilidades que a idade nos permite, é primordial.

Muitas vezes, pensamos que podemos agir do mesmo modo como sempre fazíamos, mas precisamos considerar que certos comportamentos não correspondem mais a nossa saúde física. O tempo passa e vai restringindo as nossas ações. Torna-se um mérito conseguir realizar-se bem, dentro do gosto de cada um e das condições possíveis, durante a juventude, idade em que temos toda força e coragem para vencer. Essa conduta bem orientada nos auxilia muito no futuro, quando não somos mais jovens.

Necessitamos conhecer até onde vai a nossa saúde física e, principalmente, a nossa saúde espiritual.

- O que é a saúde espiritual?

- É a segurança, o bem estar interior, a tranqüilidade, o amor, a fé e a confiança em Deus, nosso pai. Só um estudo espiritual possante é que vai enriquecendo a saúde espiritual, capaz de nos ajudar muito a viver.

Ás vezes acontece situações inesperadas, que abalam a criatura humana e parece-nos mesmo que a vida chegou ao fim: nossa saúde física foi prejudicada por algum abalo que, de repente, surgiu. Neste instante, é necessário que nossa saúde espiritual nos ajude com todo vigor, para que consigamos vencer os momentos difíceis, sem esquecer a confiança em Deus. E, uma vez alcançado o bom resultado, não podemos deixar de agradecer ao pai celestial e também as pessoas que foram atenciosas, compreensivas, meigas e eficientes para conosco. Temos também que refletir que o que se passou foi uma experiência e, com certeza, vai nos transformar para melhor.

Conseguir manter a saúde física em harmonia com a saúde espiritual depende de um estado superimportante, que leva ao que, na A.C. E, chamamos de equilíbrio psicofísico.

É essencial não descuidarmos de sustentar esse equilíbrio psicofísico, para o nosso bem estar, a nossa satisfação, nosso viver bem e também para não preocuparmos os entes queridos.

Nossa felicidade interior não pode ser abalada. Necessitamos conservar o ritmo objetivo e seguro do equilíbrio psicofísico.

Diz Cristófilo Nageo: “Visto que Deus é o supremo equilíbrio universal, é claro que o ente humano só atinge o Maximo de sua união com Deus quando consegue o equilíbrio psicofísico”.

E diz Jesus Cristo: “em quanto tendes luz, crede na luz e assim vos tornareis filhos da luz”.





Extraído de:

Jornal Verologia

Edição XXX Nº 387 e 388
Artigo referente a Março e Abril de 2005

 

 



Perfil Verológico

Um Edifício Psicológico

Ler mais...

Tome Posse do que é Seu

Ler mais...

Solução de Emergência

Ler mais...

Esperança no Amanhã

Ler mais...

Oportunidade Única

Ler mais...

Pare para Pensar

Criança, Futuro Brilhante.

Ler mais...

Como Enfrentar os Problemas

Ler mais...

Saber Viver Bem

Ler mais...

Bom Senso

Ler mais...

Dia Feliz

Ler mais...

Gotas de Sabedoria

Resignação Consciente

Ler mais...

Livre Arbítrio

Ler mais...

Acertar ou Errar, Eis a Questão

Ler mais...

Amor Divino

Ler mais...

Divina Aragem

Ler mais...

Raios de Luz

Mãe: Amor Incondicional

Ler mais...

Tristeza: Ferrugem da Alma

Ler mais...

Paz de Espírito

Ler mais...

A Essência do Natal

Ler mais...

A Paz é Possível

Ler mais...

Itens Relacionados

Livros

Criado por Agência Núcleo