Educação Materna



Mês de maio é o mês das mães, é quando sentimos vontade de facilitar a todas que assumiam este brilhante papel, que representa muita responsabilidade, esforço, amor e honestidade para levar a educação materna a bom resultado.

Para a mãe, a missão de educar é muito importante. A criança, na verdade, recebe educação de muitas pessoas que lidam com ela, mas a educação materna, que vem do berço, é básica e permanece para toda a vida.

É fundamental observar que as mães precisam ser honestas consigo mesmas para que sigam tranqüilas mais tarde, quando os filhos estiverem adultos e vierem lhes apontar falhas que para eles foram graves, mas para elas representaram boa vontade de acertar.

A educação materna requer uma serie de requisitos nobres como sensatez, paciência, tolerância, altruísmo e energia serena, não sendo nunca movida pela violência.

Diz Cristófilo Nageo: “Educar uma criança não é apenas dar-lhe instrução, divertimentos e conselhos comuns, mas, sobretudo, eficiente orientação espiritual”.

Para oferecer uma excelente orientação espiritual aos nossos filhos, é necessário ter um discernimento muito desenvolvido que só uma escola de evolução como a nossa pode proporcionar. A mãe aperfeiçoamento, demora muito mais a amadurecer e, muitas vezes, não consegue evitar certos erros.

Cada mãe oferece aos seus filhos o que lutou para conseguir, cabe a eles a capacidade de reconhecer e valorizar o esforço e a dedicação da mãe. A educação materna demonstra, através de suas palavras e de seus atos, o seu exemplo de honestidade e retidão; por isso terá amanha a boa colheita dos frutos que plantou durante todas as fases da vida dos filhos que é o amor e o amparo deles.

O amor de mãe é incondicional, parece que não percebe que seus filhos tornaram-se adultos, continuando a protegê-los sempre. Contudo, deve pedir proteção a deus todo-poderoso que sabe o que é certo para cada um de nós, é só ter fé e confiança nos desígnios divinos. Na verdade, temos muito mais a agradecer do que a pedir, se lembrarmos o quanto Deus nos ajudou em tantos momentos difíceis na criação de nossos filhos.

Diz o mestre Jesus Cristo: “Buscai em primeiro lugar o reino de Deus e a sua justiça e todas estas coisas, vos serão dadas por acréscimo. Não vos preocupeis, pois, com o dia de amanha: o dia de amanha traz as suas preocupações próprias. A cada dia basta o seu cuidado”.

 

 



Extraído de:

Jornal Verologia

Edição XXX Nº 385 e 386
Artigo referente a Janeiro e Fevereiro de 2005

 

 

 

Perfil Verológico

Um Edifício Psicológico

Ler mais...

Tome Posse do que é Seu

Ler mais...

Solução de Emergência

Ler mais...

Esperança no Amanhã

Ler mais...

Oportunidade Única

Ler mais...

Pare para Pensar

Criança, Futuro Brilhante.

Ler mais...

Como Enfrentar os Problemas

Ler mais...

Saber Viver Bem

Ler mais...

Bom Senso

Ler mais...

Dia Feliz

Ler mais...

Gotas de Sabedoria

Resignação Consciente

Ler mais...

Seja o que Você Pode e Deve Ser

Ler mais...

Misericórdia

Ler mais...

Conserva a Tua Alma

Ler mais...

O Ciúme, a Suscetibilidade e a Sensibilidade

Ler mais...

Raios de Luz

Mãe: Amor Incondicional

Ler mais...

Tristeza: Ferrugem da Alma

Ler mais...

Paz de Espírito

Ler mais...

A Essência do Natal

Ler mais...

A Paz é Possível

Ler mais...

Livros

Criado por Agência Núcleo